Há mais de duas décadas, a Associação Brasileira das Indústrias do Mobiliário vem construindo uma história de credibilidade e avanços para o setor.




História da ABIMÓVEL

Em 1992, em Assembleia Geral Extraordinária, a Associação dos Fabricantes de Móveis do Brasil (AFAM) decidiu mudar a denominação da entidade para Associação Brasileira das Indústrias do Mobiliário. Assim nasceu a ABIMÓVEL, que reunia, na época, as associações regionais, não as empresas, e funcionava como uma espécie de Federação.
As parcerias com o Governo Federal proporcionaram importantes programas de exportação, sendo necessária a criação da Câmara do Setor. Estabeleceram-se, então, contatos com a Itália, em especial com a Associação de Fabricantes de Máquinas, além de várias missões para o Salão Internacional do Móvel de Milão. A ABIMÓVEL passou a integrar o Comitê Mobilização, no Acorde-Ação Coordenada Empresarial, movimento composto por entidades de classe de abrangência nacional.

Outras importantes parcerias fazem parte da história da entidade.
A ABIMÓVEL, o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (SEBRAE) e o Sistema de Promoção e Investimentos e Transferências de Tecnologia para Empresas (SIPRI), do Ministério de Relações Exteriores, firmaram convênio de cooperação financeira com o objetivo de viabilizar um programa de inserção internacional da indústria brasileira
de móveis.

No ano de 1996, a ABIMÓVEL criou o Programa de Valorização do Mobiliário, com o objetivo de aumentar o consumo de móveis no Brasil.
Foi nesse ano também que a Associação assinou convênio de parceria com o SEBRAE e o Itamaraty para a realização de um trabalho na Indústria Moveleira, constituído de um bloco interno, para levantamento de dados atuais das indústrias; e de um externo, para pesquisa de mercado internacional de promoção comercial. Foi a partir desse ano que a entidade reativou sua participação em eventos internacionais como a Feira de Colonia/Alemanha INTERZUM e a Feira Bienal de Tecnologia para o setor madeira/móveis Ligna Hannover, também na Alemanha.

Em Agosto de 1998, circulou o primeiro número da Revista da ABIMÓVEL, produzida e editada pela Alternativa Editorial. A entidade deu continuidade também ao Prêmio Nacional ABIMÓVEL de Design do Mobiliário. Durante a Feira Internacional de Vendas e Exportação de Móveis (FENAVEM), em 1999, foi lançada a Casabimóvel. O projeto envolveu uma equipe de designers renomados que desenvolveram seus projetos em parceria com fábricas moveleiras de diferentes segmentos.

A ABIMÓVEL atuava restringindo a importação de móveis, ao mesmo tempo em que alertava o Governo Brasileiro para a fragilidade do segmento nacional frente às indústrias americanas e canadenses. A entidade, junto à Confederação Nacional da Indústria (CNI), estabeleceu critérios mínimos para a negociação na Área de Livre Comércio das Américas (ALCA). Um Selo de Exportação para o setor moveleiro foi criado, um atestado de garantia e credibilidade do produto. A ABIMÓVEL, desde então, continua próxima à Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) e, por meio de projetos, aproxima fabricantes de móveis brasileiros de importantes feiras do setor.

No Brasil, a ABIMÓVEL mantém presença constante nos principais eventos do setor, nas relações com o Governo e com destaque para as rodadas de negócio entre importadores estrangeiros e moveleiros nacionais.

ibá - indústria brasileira de árvores
sebrae
sistema fiep
cni - confederação nacional da indústria
brasilian furniture
apexbrasil
ministérios das relações exteriores
pátria amada brasil